Novo vídeo ajuda a entender como funciona a ‘gangorra’ fiscal

Quando os telejornais anunciam periodicamente o resultado primário do governo, são poucos os telespectadores que conseguem entender o que esse indicador significa e a importância para o seu dia a dia. Decifrá-lo pode parecer assunto apenas para iniciados, mas o conceito é simples, assegura o consultor de Orçamento, Orlando Cavalcante Neto. Com esse objetivo, acaba de ser lançado o novo vídeo do Orçamento Fácil, o 17º da série desenvolvida pela Secretaria Agência e Jornal do Senado (Sajs) em parceria com a Consultoria de Orçamento (Conorf).
De forma lúdica e com linguagem simples, as animações mostram que indicadores como “resultado primário” e “resultado nominal” podem ser entendidos por leigos, a partir de situações do cotidiano que facilitam a compreensão de conceitos e jargões orçamentários. Afinal, quem não entende quando o orçamento doméstico desequilibra e falta dinheiro para as compras do mês? Com os orçamentos públicos não é muito diferente.
Em pouco mais de quatro minutos, o novo vídeo esclarece aos internautas que indicadores como os resultados primário e nominal funcionam como termômetro da saúde financeira do governo — se ele está longe de alcançar um equilíbrio nas suas contas ou se tem capacidade de honrar seus compromissos para não ir à bancarrota. Ou, na melhor das situações, se consegue obter receitas maiores que as despesas, resultando em superavit. O vídeo 17 mostra como funciona essa gangorra fiscal.
— O ideal é ter o orçamento do país equilibrado, com arrecadação de receitas suficiente para dar conta das despesas públicas. Mas a nossa realidade é a de um Estado endividado, sem capacidade para fazer crescer sua economia de forma sustentada ao longo do tempo e atender as necessidades de bens e serviços públicos reclamadas pela sociedade —, observa o consultor de Orçamento do Senado, Fernando Veiga, o mais novo integrante da equipe do Orçamento Fácil.
Ele lembra que a dívida pública é uma dívida de todos os brasileiros. Por isso mesmo, é muito importante que o cidadão se interesse pelo orçamento de todas as instâncias de governo, seja federal, estadual ou municipal. Só assim poderá exercitar melhor sua cidadania, monitorando os gastos públicos e a atuação dos governantes eleitos, como destaca Cavalcante.
O Orçamento Fácil veio para ajudar nessa tarefa. Agora com 17 vídeos lançados e outros em fase de elaboração, a série de animações estimula de forma lúdica e simples o interesse sobre o orçamento.
E funciona como a porta de entrada para o Siga Brasil, desenvolvido pelo Prodasen em parceria com a Conorf, considerado pelos especialistas o melhor sistema de transparência orçamentária do país. O Siga não atende somente o público especializado. Por meio do Painel Cidadão, oferece consultas prontas, que podem ser acessadas com mecanismos de busca parecidos com o do Google.

 

Agência Senado 

 

Redação

Portal Brasil Empresarial: Notícias sobre a economia, o Brasil, empresas e empreendedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *