Como funcionam os consórcios de carros

Uma das formas das pessoas juntarem dinheiro ou comprarem um bem com um valor elevado é por meio de consórcios. Essa prática é muito comum, sobretudo, na hora de adquirir um automóvel. Existem, atualmente, diferentes organizações que realizam este tipo de procedimento. Entretanto, muitas pessoas têm dúvidas sobre essa prática já que ela oferece benefícios e desvantagens. Se você tem interesse neste tipo de negócio e quer saber mais detalhes, confira agora cinco pontos fundamentais sobre consórcio de carros.

1º: O que é o consórcio?Inicialmente, é importante explicar o que é um consórcio de carros. Visto que, muitas pessoas sabem sobre essa prática e outros indivíduos ainda possuem questionamentos. Uma empresa que tenha a concessão para realizar este tipo de procedimento necessita criar um grupo com um número satisfatório de componentes que tenham interesse em adquirir um carro.

Após juntar este grupo de participantes, a empresa vai avaliar as condições econômicas de cada um e qual o modelo, faixa de preço e outras características sobre o automóvel que cada participante deseja adquirir. Depois destes procedimentos, a empresa determina o valor de cada prestação e por quanto tempo vai durar o consórcio. A cada mês, um participante do grupo vai ser sorteado e vai ter direito a um documento conhecido como “carta de crédito”. Essa carta vai ser usada, exclusivamente, para comprar o automóvel ou então quitar parte dele.

2º: Como participar de um consórcio?No Brasil existem centenas de empresas, bancos e financeiras que realizam este tipo de negócio. Você deve escolher a que lhe oferecer propostas que estejam dentro da sua realidade e, sobretudo, preferir organizações sérias e com bons antecedentes. Pois, infelizmente, você pode passar por situações desagradáveis se não tomar este tipo de cuidado.

Por isso, realize buscas na internet, entre em contato com as empresas para conhecer melhor, peça dicas para quem já participou de negócios deste tipo. A palavra-chave é buscar o maior número de informações possíveis. Preocupe-se em saber todos os detalhes que envolvem uma operação de consórcio de carros. Pois, por exemplo, muitas pessoas só vão descobrir que o valor das parcelas pode sofrer alterações com o negócio já avançado. Com isso, acabam entrando problemas financeiros.

3º: VantagensQuando você participa de uma iniciativa como esta, de toda forma você está poupando dinheiro. Pois, muitas vezes as pessoas não conseguem guardar determinadas quantias. Você cria uma espécie de uma “obrigação”. Além disso, muitos consórcios costumam durar um bom tempo e muitas vezes se você comprar um carro direto de uma concessionária ou loja este tempo é menor. Comprando por este procedimento, você tem mais tranquilidade para pagar o veículo.

Outra vantagem é que você pode realizar lances para ter direito ao carro de forma mais rápida. Como todo mês, alguém vai ser sorteado, uma forma de você ter o veículo mais rapidamente é oferecer uma quantia de dinheiro. O novo “sorteado” é a pessoa que der um valor maior. Ou seja, ele avança na fila de espera.

Por fim, toda essa operação é muito variável. Ou seja, no começo do consórcio você pode ter escolhido um veículo e ao decorrer do negócio você pode desejar outro. Tudo isso, é reajustado nos valores das parcelas. Então tudo pode ser modificado, você só precisa conversar com a empresa que escolheu para realizar este processo.

4º: DesvantagensMuitas pessoas enxergam isso como uma desvantagem e outras não. Por mais, que o consórcio de carro seja uma operação que pode sofrer mudanças, o objeto em si não pode ser mudado. Ou seja, você não pode participar de um consórcio de carro, arrepender-se e usar este dinheiro na compra de outro bem.

Tome cuidado com o vencimento das parcelas, não acumule, pois você vai ter que pagar juros e até ser retirado do grupo do consórcio. Então se programe neste ponto. Em qualquer situação que o seu carro sofra você vai ter que continuar no consórcio. Por exemplo, se o automóvel foi furtado, a empresa responsável por este negócio não tem nenhuma responsabilidade. Ela até indica que você faça seguros para eventualidades deste tipo.

Por fim, é importante ressaltar mais uma vez: não tenha vergonha de tirar dúvidas, informe-se o quanto puder para não ser pego desprevenido. Saiba tudo o que você tem e o que não tem direito dentro de um consórcio de carros.

Redação

Portal Brasil Empresarial: Notícias sobre a economia, o Brasil, empresas e empreendedores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *